• Resenha: creme de pentear Natura Ekos Murumuru

Eu não queria ter que fazer esse post

27 maio 2016

Eu não queria ter que fazer esse post. Eu não queria te fazer lembrar daqueles momentos terríveis. Também não quero ser um possível gatilho emocional para as milhares de mulheres que tiveram o corpo violado, assim como você.

Eu não queria ter entrado no facebook na quarta-feira e visto a imagem que me fez sangrar os olhos. Eu não queria que você tivesse sido exposta no twitter. Não queria que teus violadores tivessem a covardia de compartilhar com o mundo o crime deles. E não queria que os bem intencionados te expusessem ainda mais.

Eu gostaria que nossa luta, como muita gente ainda pensa e diz, fosse desnecessária hoje. Que nenhuma mulher fosse violentada. Que você, eu, e todas nós, estivéssemos seguras o tempo todo. Eu queria que ninguém ousasse, sob nenhuma hipótese, levantar qualquer suspeita sobre seu caráter, sua índole. Queria que ninguém fosse nojento ao ponto de pensar, por um segundo, que você é culpada pela violência que sofreu.

Talvez você precise ouvir nesse momento: VOCÊ NÃO É. Nunca foi e nunca será.

13254483_10208112671991991_5772533592778123871_n

O que você passou é terrível, incabível, indizível. Talvez você precise saber que eu sinto muito pela sua dor, pela sua violação, pela sua exposição. Sinto muito pelas futuras noites mal dormidas. Sinto muito pela ferida que foi aberta, muito maior do que as feridas do corpo. Sinto muito por tudo que você ainda terá que ouvir, ler e passar, por vivermos nesse mundo machista misógino, que protege abusadores e acusa vítimas. Eu sinto muito.

Você precisa ouvir que não está sozinha.

Moça, você é forte. Busque força em suas irmãs. Estamos aqui. E eu te prometo, não vamos esquecer. Não vamos deixar passar. Vamos continuar lutando todos os dias. Fazendo trabalho de formiguinha. Até que nenhuma mulher passe por isso novamente. Até que você se sinta forte novamente. Até que você se sinta segura. Até que você sinta e saiba que nunca estará sozinha.

Pelo fim da cultura do estupro. Pelo fim da violência de gênero. Pelo fim da misoginia.

Luto, para nós, é verbo.

 

Resenha: Linha Oroargan Bioderm

24 maio 2016

A resenha de hoje já chega com altas expectativas! Isso porque é a linha prima da minha favorita da vida: a Oroargan Monoi da Bioderm. A Oroargan, de embalagem branquinha e dourada, promete ser regenerativa e protetora, com ação antifrizz. O ingrediente carro chefe é, claro, o óleo de argan.

13275409_1012251925510601_2122469525_o

Vou falar individualmente de cada produto e depois fechamos com uma opinião sobre a linha em conjunto!

Comecemos pelo shampoo!

13282358_1012251908843936_671329806_o

A Bioderm chama de “shampoo creme e eu gosto dessa denominação, especialmente porque no meu cabelo ele tem uma ação semelhante a um cowash. Tal qual seu primo monoi, o shampoo oroargan faz uma limpeza ultrasuave nos fios e no couro cabeludo, deixando-os bem soltinhos e sem toque áspero, de ressecamento.

Além do anfótero betaínico, ele também possui o Disodium Laureth Sulfosuccinate, um surfactante suave e liberado para Low Poo.

13288149_1012251878843939_1023057162_o

A textura é perolada e realmente cremosa!

13282369_1012251862177274_817426584_o

Adoro o efeito dele no meu cabelo, apesar de achar que ele deixa um pouco mais embaraçado do que o monoi. Mas, veja bem, isso não é algo extremamente perceptível. Sem dúvidas um dos melhores shampoos para Low Poo do mercado!

Diz a marca:

Shampoo creme de limpeza suave. Formula livre de sulfato com óleo 100% puro de argan. Promove higienização de maneira suave e eficaz preparando os fios para um melhor condicionamento.

Concordo totalmente! Realmente cumpre o que promete.

O condicionador promete ser uma hidratação instantânea!

13288487_1012251662177294_430163005_o

Diz a marca:

Age intensivamente e profundamente  na estrutura da fibra capilar .Desenvolvida com óleo 100% puro de Argan confere reparação e brilho sem pesar os cabelos.

Como eu sempre falo com vocês, sou extremamente exigente com condicionadores. Pra mim eles precisam ser potentes, desembaraçar e condicionar o cabelo, doando um pouco de maciez e emoliência. É o caso desse produto!

Sua textura é super consistente:

13282534_1012251785510615_178448320_o

E a composição é super rica, com óleo de argan, álcools bons, behentrimonium chloride (condicionante e hidratante), stearamidopropyl dimethylamine (semelhante a um silicone, sela a cutícula e dá brilho e desembarace), glicerina e outros óleos vegetais.

13275019_1012251748843952_694129158_o

Ele também possui silicone insolúvel em sua formulação, portanto é liberado somente para Low Poo.

Confesso que acho ele bacana para usar como hidratação instantânea, durante 3 minutos no banho, mas meu uso favorito é como condicionador mesmo. É potente e funciona maravilhosamente bem, sem dúvidas meu produto favorito da linha!

Por fim, a máscara:

13287993_1012251825510611_1167198482_o

Age intensivamente e profundamente  na estrutura da fibra capilar .Desenvolvida com óleo 100% puro de Argan confere reparação e brilho sem pesar os cabelos.

Sua promessa é de reparação e brilho e no meu cabelo o resultado perceptível foi o brilho, além do toque macio e hidratado. Ela se parece muito com a monoi, que é minha máscara favorita, mas não é tão boa quanto! A textura das duas é idêntica: bem consistente e emoliente.

13274987_1012251798843947_1831144643_o

A composição também é de alta qualidade… mas a concentração de óleos é menor do que na monoi, e, infelizmente, ela também possui silicone insolúvel, o que pode prejudicar um pouco a absorção dos componentes benéficos ao fio.

13288413_1012251685510625_235005132_o

Veja bem, não se trata, em hipótese alguma, de um produto ruim! É uma máscara muito boa, mas que eu não compraria porque acredito que a monoi tenha uma ação mais intensa, realmente um resultado de salão!

Então, sobre a linha de maneira geral:

Não conseguiu a façanha de ganhar da Monoi, mas os produtos são realmente muito bons. O prêmio de grande surpresa fica para o condicionador, que mostrou um desempenho muito acima do esperado!

O grande defeito dela, pra mim, está no silicone insolúvel na máscara. No condicionador ele não me incomoda, mas acaba ficando restrito para quem segue Low Poo. Outro ponto que não me agradou muito é o cheiro, mas aí é gosto pessoal mesmo, né?

Recomendo fortemente pra quem segue low poo, mas reiterando que a monoi é ainda melhor!

E para quem não acha esses produtos onde mora, fica a dica da loja online da própria bioderm. Cada produto custa em média R$20,00. Pelo rendimento e resultados, acho um ótimo custo-benefício.

Beijos,

Gabi.

*Esses produtos foram enviados pela marca, mas a política do blog/canal é sempre fazer resenhas sinceras. 

Resenha: Cowash Mari Morena

17 maio 2016

A resenha de hoje é de um dos produtos mais pedidos na história desse blog! hahahaha. O Cowash desenvolvido pela youtuber Mari Morena, a bíblia do Low/No Poo no Brasil!

13214818_1006628166072977_1417965732_o

Quando a Mari anunciou a venda desse produto eu corri para comprar e hoje trago todas as minhas impressões sobre ele!

“O Condicionador para Co-wash desenvolvido por quem entende do assunto!”

Ele promete limpar, hidratar, desembaraçar e refrescar o cabelo e o couro cabeludo, respeitando a hidratação natural do dia a dia e, a longo prazo, reduzindo a necessidade de tratamentos mais profundos.

É livre de  sulfatos, silicones, óleo mineral, parafina, parabenos e ingredientes de origem animal. Ou seja, liberado para No e Low Poo e vegano!

Eu adorei a embalagem, achei simples, prática e original. Ao mesmo tempo que é clean, tem uma arte super bonita. A saída do produto também é ótima, ajuda a não desperdiçar.

Sua fórmula é super rica, com cinco principais ativos: o anfótero cocoamidpropylbetaine, que faz a limpeza no fio e no couro cabeludo, os óleos de coco, de jojoba e de melaleuca e a arnica, que estimula e refresca o couro cabeludo. A Mari também diz que a melaleuca é um bactericida e fungicida natural, que ajuda a manter o couro cabeludo saudável.

13230840_1006628139406313_756106530_o

Em outras palavras, você vai estar fazendo uma higiene saudável no seu cabelo enquanto trata dele e do couro cabeludo. Realmente é uma composição RIQUÍSSIMA, o que super justifica o preço mais elevado.

Vale dizer que o aroma do produto é bem forte, mas fica claro que é da junção dos ingredientes naturais, não há perfume artificial. Particularmente ele me incomoda um pouco no momento da aplicação, mas não fica no cabelo.

Outro aspecto que não me agrada muito é a textura super consistente, já que, em geral, tendo a preferir produtos para cowash que sejam mais ralos e emolientes, a exemplo do Yamasterol.

13224282_1006628172739643_1194678907_o

Mas nesse caso a textura mais encorpada não prejudicou a aplicação ou a espalhabilidade, tampouco influenciou muito no rendimento.

Agora vamos ao que importa: resultados!

Assim que aplicamos o cowash na cabeça é possível sentir imediatamente a refrescância. Isso é bem característico da arnica e a sensação é bem agradável! A limpeza é satisfatória e suave, e não há ressecamento algum. Pelo contrário! Realmente dá uma condicionada e hidratada no fio e auxilia o desembarace, como um CONDICIONADOR LIMPANTE deve fazer!

Em suma: eu AMEI esse produto. Ele realmente une limpeza e hidratação e cumpre tudo que promete. Maravilhoso!

Ele custa R$38 e está a venda somente online aqui.

Sem dúvidas é um produto caro mas que vale o custo-benefício. Super recomendo para quem ainda não encontrou o cowash perfeito!

Beijos,

Gabi.

Resenha: Creme de pentear Ekos Murumuru -Natura

10 maio 2016

A resenha de hoje é do creme que mais tenho usado nessas últimas semanas: o da linha Ekos de Murumuru da Natura!

13199027_1002910816444712_641650145_o

Com manteiga de murumuru, os produtos da linha reconstroem os fios dos cabelos danificados na medida certa, promovendo o alinhamento das cutículas e devolvendo a elasticidade natural. Cabelos macios e hidratados profundamente. O creme para pentear diminui o frizz e ajuda no desembaraço dos fios, deixando-os menos quebradiços e reparando as pontas duplas.

A promessa é linda, mas e na prática? Vejamos!

13199040_1002910759778051_1043617154_o (1)

A composição do produto é bem rica e super bacana. Tem água, extrato de Murumuru, glicerina, cetrimonium e behentrimonium chloride (ótimos componentes para hidratar, dar maciez e selar o fio) e óleo de palma. Mas, infelizmente, lá está o Dimethicone, silicone insolúvel :( e portanto esse produto é proibido para No Poo, mas liberado para Low!

#Naturaliberageral – fica o apelo!

A primeira vez que usei o produto foi no day after e fiquei encantada por ele. Sua textura é fina e leve e o cabelo ficou super hidratado e macio ao toque.

13210963_1002910826444711_283236417_o

Logo me animei para testar na finalização, mas, pela minha experiência com cremes leves, não estava esperando um resultado muito bom…

13199509_1002910786444715_92880129_o

Primeira finalização com ele! Mostrei no Snap: vasconcellosgab

Ledo engano! Na primeira vez que testei já fiquei chocada! Finalizei usando apenas ele e ainda sequei com secador e meus cachos ficaram INCRÍVEIS. Definidos, brilhosos e muito, muito macios! A sensação do cabelo ao toque depois de utilizar esse produto é indescritível. Ele fica ultra macio e ultra leve, de um jeito que nunca tinha ficado antes. Parece que estou tocando em nuvem. E querem saber? Todo mundo que toca no meu cabelo quando estou com esse produto comenta a maciez e leveza dele. É impressionante.

O mais incrível é que ele me dá bons day afters também e, mesmo quando preciso revitalizar, utilizo ele mesmo, pois é fantástico também para esse fim por ser tão leve. Outro aspecto proporcionado pela textura é o volume. Consigo um resultado muito bacana e equilibrado de volume e definição, mas, se você não curte volume, tenho uma boa notícia: ele é versátil, então consigo deixar meu cabelo bem “murchinho” quando quero.

13162041_1002910889778038_940977649_n

Com volume…

13199575_1002910849778042_2068851866_o

Ou sem volume? Você escolhe! :)

Eu adoro o efeito estético que ele dá, meu cabelo fica bem bonito. A única coisa é que acho que ele não segura muito o frizz, especialmente no day after, mas nada que me incomode muito. Agora, sem dúvidas o que fez esse produto ganhar lugar cativo no meu coração é o resultado ao toque, a maciez que ele proporciona.

13162223_1002910859778041_502475463_n

E o day after da foto de blusa amarela! Mais volume e um cadinho de frizz. Mas a definição tá lá e eu não usei NADA pra revitalizar!

Eu valorizo muito cremes de pentear que realmente hidratem o fio. Afinal, esse é o produto que fica mais tempo em contato com o cabelo. Nada melhor que seja de fato um tipo de tratamento. Quando uso esse creme, ao lavar quatro dias depois, ainda sinto a hidratação no meu fio.

13170653_1002910873111373_1103904096_o

3º day after sem revitalizar. Efeito “messy” que também adoro.

Então a resposta é: SIM! Ele realmente hidrata e dá muita maciez.

Quanto aos defeitos… Além de possuir silicone, é um problema o tamanho da embalagem: apenas 150g :( Mas como sempre avalio custo benefício, acho que vale muito compra-lo. Eu poderia viver só com esse creme, já que ele hidrata, define, dá volume e ainda revitaliza… maravilhoso!

13150016_1002910879778039_896599120_n

O creme de pentear da linha Ekos Murumuru da Natura custa R$33,90 e está a venda na loja da Rede Natura da Nadine, que me mandou esse e outros produtos da marca. Eu super indico que vocês comprem por lá! Elas enviam para todo Brasil e são super atenciosas. Ah, não é só produto de cabelo não, viu? Tem maquiagem, cuidados com a pele, perfumes… de tudo! Não deixem de passar lá! http://rede.natura.net/espaco/osoriomendes

Também não deixem de assistir a resenha em vídeo! Lá eu mostrei até o meu quarto day after e dá pra ver tudo bem direitinho. Tá imperdível :)

Beijos,

Gabi.

Mudanças na rotina de cuidados: outono/inverno

09 maio 2016

O inverno se aproxima e nas últimas semanas o tempo virou e (finalmente) caiu a temperatura aqui no Rio de Janeiro. Eu, que já tenho pele, lábios e cabelo ressecados, preciso fazer algumas adaptações na minha rotina de cuidados e hoje divido ela com vocês!

13184697_1002953053107155_1611910190_o

  • Cuidados com a pele:

Se no calor carioca eu prezo por hidratantes mais leves e sequinhos, no inverno procuro o extremo oposto. Não gosto da ideia de ficar com a pele melecada, mas realmente preciso de algo POTENTE.

13113154_1002953136440480_1156178579_o

Por isso sempre volto para o meu hidratante favorito: o Nívea Soft Milk para pele seca. Hidrata muito e seca rápido! Quando preciso de mais potência, uso o Sea of Spa Alternative Plus, que é mais consistente e demora um pouco mais para ser absorvido. Geralmente utilizo o Nívea de manhã  e o Sea of Spa antes de dormir!

Para o rosto, optei por utilizar essa amostrinha da Sephora, do hidratante Crème lègenére très hydratant. Ele é leve e seca super rápido, mas é muito hidratante! A pele fica muito macia! De noite, potencializo a hidratação com esse sérum da Lâncome (também amostrinha): Absolut Ultimate Night. Confesso que esse produto tem um cheiro um pouco forte e ele não seca totalmente, mas no dia seguinte a pele é OUTRA!

Também tenho curtido usar o Bepantol Derma nas olheiras e nos lábios.

Falando em lábios…

13211003_1002953039773823_1475334960_o

Além do Bepantol Derma todos os dias antes de dormir, tenho usado o Carmex, um balm labial super potente e com efeito “curativo” também. Minha boca fica cheia de pelinhas e eu normalmente não resisto e arranco, o que me garante uma boca ferida e dolorida :( só o Carmex para resolver mesmo!

13161319_1002953089773818_1016907887_o

Jamais uso batom líquido matte nessas condições! É a hora de pegar os cremosinhos e hidrantes, a começar pelo batom Shine Revolution da Avon. Eu sempre esqueço deles o restante do ano, mas quando esfria não tem jeito. Ele une balm labial e cor, fica super discreto nos lábios e é uma hidratação extra. Tenho nas cores vermelho e rosa e um fica na bolsa, outro na penteadeira! Infelizmente acho que a Avon tirou essa belezinha do catálogo :( então fica o apelo #VoltaAvon!

Agora, se tem um batom que uso o ano inteiro é o Hug Me da MAC. Sem dúvidas meu preferido da marca, um nude lindíssimo e cremoso, SUPER hidratante! Amo muito, tanto é que já está acabando.

13161570_1002953043107156_1484086239_o

Mas para sair vocês sabem que adoro uma boca escura, né? Só que a grande maioria dos meus batons assim têm acabamento super seco. Quem tem me salvado é o batom Aquarela Matte da Natura, na cor vinho! Ele tem acabamento sequinho mas é MUITO confortável nos lábios. Estou apaixonada!

  • Maquiagem:

De maquiagem, redescobri o BB Creme da Quem Disse Berenice. Ele dá uma cobertura bacana para o dia a dia, hidrata a pele e tem FPS 35. Tenho achado ótimo! Além dele, uso a base Healthy Mix da Bourjois. Minha favorita EVER, cobertura linda e transparente, iluminada na medida, cheirosa e super hidrante. Ainda por cima é um dermocosmético, promete tratar a pele enquanto maquia. Para completar, tem preço amigo apesar de ser um produto importado. Recomendo demais!

13199510_1002953113107149_23148179_o

Minha pele todinha é super seca, mas a região abaixo dos olhos é o DESERTO DO SAARA! Não tem jeito, nessa época do ano se eu usar um corretivo mais seco craquela geral! O Fake Up da Benefit resolve isso por aliar cobertura, iluminação e hidratação. Uso muito sozinho e como base para outros. Mas meu queridinho da vida MESMO é o corretivo líquido da Natura Aquarela. Cobertura potente, iluminação linda, hidratante e toque seco. Sem dúvidas o melhor que já usei!

Para dar uma corzinha, tenho usado muito a paleta de blush, bronzer e iluminador da Nars, a NARSISIST. Ela foi edição limitada e saiu de linha, mas o blush e o bronzer (Orgasm e Laguna) são vendidos separadamente ou em duo e eu super indico! São marvilhosos. O iluminador é meio leve demais para mim, mas curto para usar no dia a dia: dá uma radiância bacana e não fica too much para trabalhar.

  • Cabelos:

Finalmente vamos falar dos cabelinhos! Tenho lavado menos, quando consigo, apenas uma vez na semana! Outra coisa que voltei a fazer mas esqueci de colocar na foto é umectação com óleo de coco! :)

13113148_1002953069773820_1326037004_o

O primeiro produto da foto é, sem dúvidas, o que eu mais tenho usado de longe: o creme de pentear da linha Ekos Murumuru da Natura. A resenha dele entra amanhã então não darei ~spoilers~… só uma palavra para ele: hidratação. E é fantástico nos day afters, que têm sido muitos, rs.

Também tenho usado para caramba a Pinga da Lola, esse óleo mara que faz tudo que um óleo faz e ainda hidrata, dá maciez e ajuda a desembaraçar o fio. Pensa numa paixão!

Voltei a usar máscaras em todas as lavagens e essas duas têm sido minhas queridinhas: a da linha Curvas Envolventes Natura é para deixar agir no banho, por 3 minutinhos, e já resolve! A Caballo D’Oro da Bioderm é mais potente e une reconstrução e hidratação (com D-Panthenol). Tenho curtido muito ambas!

Para terminar, tenho usado shampoos e cowashs com anfótero já que agora voltei a usar silicones com tudo. Os cowashs hidratantes são meus favoritos para essa época do ano e para representar peguei esse da Mari Morena. Confesso que usei poucas vezes até agora porque ele chegou recentemente, mas já roubou meu coração! Resenha em breve!

Gostaram? Mudaram alguma coisa na rotina de vocês por conta do frio? Me contem!

* E para comprar qualquer um desses itens da Natura, acessem: http://rede.natura.net/espaco/osoriomendes/. Super recomendo a compra por lá! <3

Beijos,

Gabi.

*Não estou sendo paga para divulgar a loja! Eles me mandaram alguns produtos da Natura, mas indico porque recomendo com amor no coração! <3

Crítica: Mogli – O Menino Lobo

06 maio 2016

Necessário

Somente o necessário

O extraordinário é demais…

A crítica de hoje (quanto tempo) é de Mogli – O Menino Lobo, filme que estreou na segunda semana de abril e que eu estava ansiosíssima para assistir. Mogli é um dos meus filmes da Disney favoritos e se o trailer já me deixou apaixonada, imagina o longa.

Bem, de uns anos para cá a Disney começou a investir no live-action para repaginar e atualizar suas obras clássicas, como o incrível “Malévola”. Com Mogli não foi diferente: o live-action ficou bacana por misturar a interpretação do pequeno Neel Sethi e os animais, computadorizados, perfeitamente alinhados com a proposta e o cenário e nada caricatos.

maxresdefault

Para quem não sabe, a história é baseada em fatos reais de um menino que foi criado por uma alcateia de lobos após ter sua família morta por um tigre.

Na adaptação, Mogli passa a ser perseguido pelo tigre Shere Kan, que não aceita um homem na selva, mesmo que “filhote”. Apesar de Shere Kan ser nitidamente um vilão, agora, mais velha, consigo entender sua preocupação com a floresta, que sempre foi devastada pelo bicho homem.

Para conseguir sobreviver, Mogli conta com a ajuda de Bagheera, a pantera mais gente boa do mundo, que tenta leva-lo de volta à aldeia dos homens. No meio do caminho, é claro, eles passam por muitos obstáculos, inclusive esbarrar com o urso viciado em mel, Baloo, que garante a Mogli que ele pode viver na selva em segurança. Eles constroem uma linda amizade e, para mim, o único defeito da recriação é essa: não acho que consiga passar essa relação dos dois com a mesma intensidade de antes.

Por outro lado, chama atenção o talento de Neel Sethi, principalmente quando paramos para pensar que ele contracenou com o nada durante todo o filme, rs. Os animais também são muito reais e, ainda que falantes, convencem e impressionam. Palmas também para o diretor que conseguiu transmitir a seriedade necessária para a recriação sem deixar de lado o espírito infantil. Mogli tem muita ação e drama, mas também tem piadas leves e momentos divertidos.

O 3D do filme é muito interessante, mas acho que poderiam ter explorado mais a técnica.

Em resumo, a história é linda, o longa muito bem feito e o enredo é fiel. Um filme emocionante e encantador para todas as idades!

Alguém aí já assistiu?

Beijos,

Gabi.